quinta-feira, 26 de agosto de 2010

§ 7 Dicas Para Sub´s Iniciantes ( De Sub Para Sub ) §

Alerta*
No mundo baunilha quando se fala em relacionamentos, se fala em segurança, seja em proteger sua privacidade no mundo virtual ou em sexo seguro no dito “mundo real”…Da mesma forma no BDSM é preciso se preocupar coma segurança, e esse artigo vou falar especialmente para subs iniciantes, como já fui um dia.Mesmo uma sub experiente deve tomar cuidados ao se entregar a um novo relacionamento, mas o que mais me preocupa são as subs inexperientes, não acho que o BDSM seja mais perigoso que o mundo Baunilha, quando uma sub se entrega a um Verdadeiro Dom está muito mais segura que num relacionamento baunilha, mas o grande risco está em se entregar a Falso Dom, um maluco que causaria mal a uma parceira mesmo fora do BDSM, mas quando se dá a um maluco o direito de Imobilização, seja por cordas correntes ou algemas, se coloca literalmente a vida e a saúde em suas mão, e esse é o maior perigo.Por esse motivo esse artigo dá algumas dicas dos cuidados a se tomar.

1°. Conheça-se antes de negociar.
Pense que você não pode entregar aquilo que não conhece, portanto, esse deve ser o primeiro exercício de uma sub: Se conhecer. Lembre-se que TODO MUNDO TEM LIMITES, eles podem ser mais amplos ou mais estreitos, você pode até mesmo não conhecê-los, mas eles estão lá.Se você não tem nenhuma experiência prática (por mais que conheça a teoria) deixe isso muito claro logo de início, e procure se proteger com limites curtos.Deixe claro que isso poderá ser revisto futuramente, comprometa-se a pedir que ele avance nesses limites, se você se sentir capaz.Existem alguns Doms verdadeiros (poucos) que não aceitam isso, que acham que colocar limites é demonstrar falta de confiança, é duvidar do Bom Senso do Dono. Se pensarmos friamente isso é verdade sim, mas como confiar em alguém que você não conhece ?Esse tipo de Dom não é muito recomendado (na minha humilde opinião) para subs iniciantes.Sem contar que esse também é o comportamento padrão de muitos Falsos dons, e uma sub sem experiência não saberá diferenciá-los.


2. Não tente impressionar um Dom, com o intuito de conseguir ser aceita.
Um exemplo prático disso é uma pergunta que o Dono de mim me fez, ao começara me avaliar, Ele pediu para que me de uma nota de 0 a 10 para o seu Masoquismo. Claro que eu não podia perde-Lo, por isso me dei 7(não muito alta, mas “passando de ano”… *rs).Ele riu, e me falou que muitas canditadas chegam a 8 ou 9. Falou também que isso é uma fantasia de entrega total, entregar sua dor para o prazer do Dono, praticamente todas as verdadeiras submissas de alma tem essa fantasia.Me propôs uma “aferição”, obviamente eu aceitei e me senti envergonhada porque não resisti a 5 minutos de teste, e quando ELE me repitiu a pergunta, pedindo para eu desse novamente a nota, falei, com muita vergonha: O senhor acha que 2 é muito?Minha sorte foi que o Dono de mim é um sábio, ou eu teria problemas…Hoje, com meu adestramento, acredito que minha nota é superior aos 7 que eu me dei, ams é a primeira vez que falo isso, porque ele não me perguntou mais sobre o assunto…



3. A Submissa não é fraca, nem covarde, nem burra
Quando alguém do mundo baunilha fica sabendo de um caso de submissão real considera a submissão fraqueza, covardia ou burrice.Nada mais errado que isso, é preciso muita força para abdicar dela e se entregar a alguém, é preciso inteligência para reconhecer seus limites se fazê-los serem respeitados, mesmo entregando-se a vontade de alguém, e é preciso coragem para se assumir submissa e propriedade de seu Dono, mesmo em um círculo restrito de pessoas sabidamente BDSM.Submeter-se por fraqueza é apenas ser fraca, submeter-se por covardia é apenas ser covarde, e submeter-se por burrice é apenas ser burra.Para ser submissa é preciso ser forte, corajosa e inteligente e mesmo assim se submeter.



4. Submissão não é cura para carência afetiva
Já encontrei muita “sub” que busca na submissão um remédio para suas carências, ou suporte psicológico, o BDSM é, talvez, o pior caminho para isso.Se você tem fantasias e desejos BDSM e apesar disso tem problemas psicológicos ou carência afetiva, procure um bom psicoterapeuta, procure identificar as causas de seus problemas e no mínimo reconhecê-lo, depois procure se encontrar no BDSM.Ou pelo menos procure um Dom Terapeuta… *rs



5. O BDSM é prazer
O BDSM deve ser prazeroso para ambos os parceiros, caso contrário é apenas uma Tara.Existem subs com prazer na Dor, existem subs com prazer no Controle, existe subs com prazer em cordas e algemas, enfim dezenas de prazeres trazidos pelas práticas BDSM.Existem também Doms com prazeres semlhantes, estes em serem ativos e outros em serem passivos.É preciso haver compatibilidade nesses prazeres, ou a relação será desequilibrada e não trará prazer.E como diz sempre o Dono de mim, se voce acha que Prazer é Orgasmo, voce nem faz idéia sobre o que estou falando…



6. Se você é iniciante, procure um Dom experiente.
Na vida baunilha aprender junto é muito agradável, mas no BDSM isso é mais complicado.Uma sub iniciante não conhece seus limites, eles precisam ser explorados com cautela, passo a passo, para isso uma certa experiência é fundamental, um Dom inexperiente pode ir além do recomendável e causar danos físicos, morais ou emocionais, e isso pode te trazer problemas depois (o Dono de mim chama a isso de “estragar uma sub”).Caso opte por um Dom iniciante, para crescerem juntos, negocie muito bem todos os passos a serem seguidos vá devagar e defina duas Safeword, no conceito amarelo-vermelho, ou seja Safe 1 = pega mais leve, to com medo, Safe 2 = PARE JÁ, este é meu limite.


7. Cuidados para o Primeiro encontro.
Apesar de ser uma fantasia deliciosa ser abordada por um desconhecido, entrar em seu carro e entregar-se ao seu controle, no mundo atual isso é extremamente perigoso. Também não é aconselhável recebê-lo em sua casa, ou ir até a casa dele.Prefira um Hotel onde será necessário se identificar na entrada, e programe que cada um chegará num horário diferente (pode até aumentar a fantasia e a excitação, se for bem trabalhado).É claro que ele que decide, mas com inteligência e submissão voce pode colcoar isso nos termos da negociação, pode até ser que isso depois vire um pequeno castigo, mas um castigo é sempre delicioso (principalmente se comparado ao risco de encarar um maluco).


Lembre-se que é Teu Corpo Sua segurança até mesmo sua vida....
Não tenha pressa, as Coisas Vão Acontecer No tempo Certo...
Acreditem....

BEIJOS...
{Safia®}--ARCANJO®





Um comentário:

Angelike disse...

Ótimas dicas, eu precisava muito de palavras como essas.

beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Image Search

TER ASAS

123

123

X1

X1